CATEGORIAS

Recentes

Destaques

Tecnologia do Blogger.
Menu de Navegação

Vereadora confunde conta da Secretaria de Saúde Estadual com a da Municipal


A polêmica da emenda de R$ 250 mil do deputado estadual Júlio Cavalcanti (PTB) que até hoje não foi executada pelo governo municipal de Arcoverde, ganhou novo capítulo nesta segunda-feira (21).

A vereadora Luiza Margarida (PMDB), que disse na sessão anterior que a propaganda do deputado estadual Júlio que informava que o dinheiro estava à disposição na Secretaria de Saúde do Estado era ”mentirosa” veio com outra versão na sessão de hoje, após questionamentos da vereadora oposicionista Zirleide Monteiro (PTB).

Como não poderia negar a documentação apresentada pela vereadora Zirleide Monteiro (PTB), que comprovou com ofícios, espelhos da emenda e circular da Casa Civil para a Secretaria de Saúde de Pernambuco, não apenas a existência da emenda como dos recursos, a vereadora Luiza Margarida levou um extrato da conta da Secretaria Municipal de Saúde pra mostrar que não entrou nem um centavo. 

Segundo a vereadora Zirleide Monteiro (PTB), “não vai ter nunca um centavo desta emenda na conta da Secretaria Municipal de Saúde se a prefeitura não apresentar o projeto para a execução da mesma destinada a compra do ônibus para o TFD”. Os recursos estão na Secretaria Estadual de Saúde e não na municipal, afirmou Zirleide. 



Para Zirleide Monteiro, “é lamentável que uma emenda que venha para o povo de Arcoverde, para comprar um ônibus para transportar pacientes que já sofrem com suas doenças e são obrigados a viajar em condições mínimas de segurança, seja deixada de lado apenas porque os recursos vêm de um deputado que é oposição à prefeita”.

Durante sua palavra o líder do governo, Everaldo Lira (PMDB), terminou afirmando que o governo municipal já está correndo atrás dos recursos da emenda do deputado Júlio Cavalcanti e já está apresentando o projeto para sua execução. A vereadora Célia Almeida (PSB), presidente da Câmara, disse que era bom que tivesse 10 ônibus. "Quero saber de coisa que funcione", disse a parlamentar socialista que afirmou também que a emenda de Júlio vai chegar e que agora em julho chegou a de Eduíno, porque é governo. 

Zirleide disse que ficava feliz caso isso acontecesse, pois quem saia ganhando era o povo. "Estou aqui como vereadora da oposição para aplaudir o que estiver certo, o que fizer bem ao povo; quando tiver algo errado vamos cobrar, pois estamos para defender os interesses do povo de Arcoverde", finalizou. 
Banner

Posta Comentarios: