CATEGORIAS

Recentes

Destaques

Menu de Navegação

Ximbinha é acusado de agredir ex-vocalista da X-Calypso


Ximbinha está longe dos holofotes ultimamente, mas voltou a ser assunto por causa de uma polêmica. Na última quinta-feira (18), o cantor foi acusado de agredir verbal e psicologicamente uma ex-integrante da banda X-Calypso.

Leya Emanuelly usou o Instagram para explicar sua saída da banda, há cerca de um mês. "Não posso sair com a imagem de uma pessoa irresponsável", desabafou na web.
A loira explicou que não comentou o assunto antes por causa de um contrato e que está com problemas de saúde. Por isso, precisou voltar à terra natal, Serra Talhada, Pernambuco, já que "não recebia ajuda de custo da banda".

"[…] ’Vesti a camisa’ de uma pessoa que, posteriormente, sem o mínimo de respeito, se julgou no direito de me insultar, gritar, e fazer julgamentos com palavras baixas, denegrindo a minha imagem e meu caráter."

A cantora reclamou de nunca ter recebido um pedido de desculpas: "Estou me tratando, pois tive crises de ansiedade constantes […] tive problemas com insônia, tonturas, audição, vocal, ansiedade, depressão".
Leya era backing vocal do grupo e assumiu o microfone principal após a saída de Thábata Mendes - aliás, rumores indicaram que a artista também teve problemas com o temperamento do guitarrista.

No fim de 2015, em meio ao polêmico divórcio, Ximbinha confirmou que traiu Joelma, mas negou que tivesse sido agressivo com ela. "Sempre tratei Joelma bem, quem me conhece sabe disso", garantiu ao "Fantástico", da Globo.
Banner

Posta Comentarios: