CATEGORIAS

Recentes

Destaques

Menu de Navegação

IPA volta a funcionar em Buíque após quase dois anos parado


Após quase dois anos sem nenhuma atividade no município, o Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), retoma as suas atividades no município de Buíque. Na manhã dessa segunda-feira (08), os secretários de governo, Roberto Modesto, de Agricultura Aldy Regis, o diretor de agropecuária Euclides Neto e o coordenador geral de gabinete Mário Jorge, receberam as técnicas em agropecuária do IPA Analise Gomes e Nallitha Raphaely, o médico veterinário Danilo Soares e o engenheiro agrônomo Franco Eduardo, para tratar sobres as parcerias entre o instituto e o governo municipal, que beneficiará os agricultores e pecuaristas do município. O IPA volta a funcionar na sua antiga sede, na rua Amélia Cavalcanti, 121, por trás da Escola Vigário João Inácio.

“A parceria IPA/Prefeitura de Buíque certamente será muito positiva e renderá ótimos frutos. Nesse primeiro contato que tivemos hoje, podermos ver o comprometimento do atual governo em viabilizar as condições necessárias para que possamos desenvolver bem o nosso trabalho, que é gerar e adaptar tecnologia, prestar assistência técnica e extensão rural, prioritariamente aos agricultores de base familiar, realizando obras de infraestrutura hídrica e disponibilizando bens e serviços para o desenvolvimento sustentável do agronegócio”, disse a técnica em agropecuária Anaise Gomes.

A boa notícia foi comemorada pelos secretários que participaram da reunião. Para Aldy Regis, de Agricultura, a parceria com o IPA é muito importante para o município que tem 65% da sua atividade econômica baseada na agricultura. A opinião do secretário de agricultura é compartilhada pelo secretário de governo Roberto Modesto. Segundo Roberto, ações que atendam o homem do campo é pedido frequente das comunidades e preocupação constante do prefeito Arquimedes.

Já o coordenador geral de gabinete Mário Jorge, acredita que o empenho do governo municipal, aliado aos benefícios técnicos que o Instituto dispõe, reforçará o apoio ao homem do campo, quem há seis anos vem sofrendo com os efeitos da maior estiagens dos últimos 100 anos. “Buíque é um município rural. Precisamos de todas as parcerias possíveis para que possamos minimizar o sofrimento do homem do campo, que há seis anos vem sofrendo os efeitos dessa seca devastadora.

"Tenho certeza que essa parceria com o IPA nos trará bons frutos”, acredita coordenado geral de gabinete, Mário Jorge.
Banner

Posta Comentarios: