CATEGORIAS

Recentes

Destaques

Menu de Navegação

Vereadores de Arcoverde voltam ao trabalho com Câmara 60% renovada


Depois de dois meses de recesso e a posse dos novos vereadores eleitos em 02 de outubro passado, no último dia 1º de janeiro, a Câmara de Vereadores de Arcoverde retoma suas atividades ordinárias da nova legislatura nesta quarta-feira (15) com uma renovação de 60% de seis integrantes. A Câmara passa por uma reforma de adequação dos espaços que devem ser finalizados até o início da primeira sessão, marcada para às 19h00.

Sob o comando da vereadora veterana Célia Cardoso (PSB), eleita para seu 8º mandato e que assume pela segunda vez o comando da Casa James Pacheco (a primeira vez foi em 1997, quando da eleição da ex-prefeita Rosa Barros), a Câmara inicia essa legislatura com várias novidades. Uma delas é que pela primeira vez 50% da Casa Legislativa será composta por mulheres: a presidente Célia Cardoso (PSB), Luiza Margarida (PMDB), Cleriane Medeiros (PRTB) e as novatas Cybele Roas (PP) e Zirleide Monteiro (PTB). A outra é o comando da casa nas mãos de uma mulher após 20 anos.

Também vão estrear oficialmente este ano os novos vereadores: Siqueirinha (PSB), Geraldo Vaz (PSD), João Taxista (PRP) e Heriberto do Sacolão (PTN). Completando o plenário estará ainda o vereador Everaldo Lira (PMDB), que chega ao seu 7º mandato nesta legislatura.

Na composição política da nova Casa James Pacheco, o governo mantém o controle da casa e tem mais 07 vereadores aliados. A oposição inicia o ano com dois vereadores (Zirleide Monteiro e Heriberto), que promete fazer um mandato fiscalizador e cobrar as obras prometidas em campanha pela atual prefeita.

Os atuais vereadores já se reuniram este ano, ainda em janeiro, em sessão extraordinária não remunerada, para votar o novo salário mínimo (R$ 937,00) para os servidores públicos municipais, adequando o vencimento ao valor nacional do mínimo.


Banner

Posta Comentarios: