CATEGORIAS

Recentes

Destaques

Menu de Navegação

Brasileiros são os que mais 'traem' na Netflix


A Netflix divulgou nesta segunda-feira, 12, o resultado de uma pesquisa sobre o mais novo "fenômeno social" que o serviço de streaming originou ao redor do mundo: a traição pela Netflix. Segundo a empresa, esse novo tipo de traição acontece quando uma pessoa "assiste a uma série de TV antes da sua metade da laranja".

Ainda de acordo com o estudo da Netflix, os brasileiros são os que mais traem: 58% admitiram que já assistiram a um ou mais episódios de uma série sem que o parceiro ou parceira soubesse, ainda que ambos tivessem combinado de assistir juntos. O Brasil aparece junto com o México no topo do ranking dos que mais traem, com os mesmos 58%.

No mundo todo, quase metade (46%) dos casais que assistem à Netflix juntos admitiram que traem. Os homens são os mais "infieis" em seus hábitos de streaming: 53% admitiram ter "pulado a cerca". No Brasil, inclusive, o assunto é levado a sério por muita gente: 16% dizem que esse tipo de traição "é pior do que ter amante de verdade". Em Hong Kong, esse índice é de 40%.

Esse hábito também é recorrente: 81% dos entrevistados admitiram que traíram mais de uma vez. Outros 60% disseram que trairiam mais vezes se soubessem que não seriam descobertos. Além disso, 80% dos traidores dizem que a ação acontece "por acaso", e que não é planejada - embora 25% das traições aconteçam quando um dos parceiros dorme.

A série que mais leva a traições é "The Walking Dead". A pesquisa foi feita pela SurveyMonkey a pedido da Netflix entre os dias 20 e 31 de dezembro de 2016. Mais de 30 mil usuários da plataforma de streaming participaram da pesquisa.
Banner

Posta Comentarios: